Idioma da unidade de descrição

 
 

Bem vindo

O Centro de Arquivo e Documentação (CAD) da Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses (CGTP-IN) tem como missão gerir toda a documentação produzida e recebida  por esta organização (sede), independentemente do seu suporte ou data. Continuar...

 
 

Visualizar registo de autoridade

Informação e Propaganda Sindical (Departamento)

Tipo de entidade

Entidade colectiva

Formas autorizadas do nome

Informação e Propaganda Sindical (Departamento)

Formas paralelas do nome

Formas autorizadas do nome de acordo com outras regras

Outras formas do nome

  • Informação e Propaganda. 1974-1983; 1986-1993
  • Informação e Propaganda Sindical. 1983-1986
  • Propaganda Sindical. 1993-1999
  • Informação e Comunicação Social. 1996-1999
  • DIF

Identificadores para pessoas colectivas

Datas de existência

1974 [?] -

História

A referência mais antiga que conseguimos localizar relativa à esfera de actuação do actual Departamento de Informação sinaliza a sua existência em 1974, se não de um departamento enquanto tal, pelo menos de algumas das actividades que viria a desempenhar, e pode ser encontrada no documento intitulado Relatório das Contas do Exercício de 1974, apresentado pelo Secretariado da Intersindical à reunião do Plenário Nacional de Sindicatos realizado nos dias 8 e 9 de Março de 1975, em Coimbra . Nesse relatório, pode encontrar-se uma rubrica intitulada “Informação e Propaganda”, onde, entre outras, se elencam as despesas, efectuadas em 1974, relativas a: anúncios, assinaturas e tipografia, o que nos oferece, também, alguma informação sobre as actividades desempenhadas então.

Mas as funções do departamento são claramente definidas, apenas, em 1980, após a realização do 3.º Congresso da CGTP-IN (6 a 9 de Março). Ao Departamento de Informação e Propaganda, então na dependência do Secretariado Nacional (actual Conselho Nacional), cabia assegurar: «[…] as tarefas de informação, agitação, propaganda, relações públicas, as actividades editoriais e a edição da revista “Alavanca” […]».

Esta designação (Informação e Propaganda) manter-se-ia até 1983, ou seja, até ao 4.º Congresso da CGTP-IN, altura em que é alterada para “Informação e Propaganda Sindical”, mantendo, contudo, inalteradas as suas funções.

Após o 5.º Congresso (29 a 31 de Maio de 1986), a estrutura formal do departamento é redefinida, reorganizando-se as suas funções em torno de duas “Frentes de Acção”, a “Informação e Propaganda” e as “Relações Públicas”, integradas, por sua vez, numa “Área de Orientação Sindical” intitulada “Informação”. O departamento, tal como as restantes áreas de orientação sindical, passa a estar na dependência directa da Comissão Executiva do Conselho Nacional, situação que perduraria até à actualidade, tendo como funções tratar «[…] das questões relativas à informação e propaganda sindical; coordena[r] a acção do movimento sindical nesta frente; assegura[r] a direcção do Alavanca.»

A partir de 1989, as “Áreas de Orientação Sindical” passam a designar-se “Áreas de Acção Sindical” e as “Frentes de Acção” passam a nomear-se “Departamentos”. Assim, a área de acção sindical “Informação e Relações Públicas” é composta pelo Departamento de Informação e Propaganda e pelo Departamento de Relações Públicas.

Após a realização do 7.º Congresso (4 a 6 de Março de 1993), o Departamento continua integrado na mesma área de acção sindical, embora renomeada – “Área de Acção Sindical Informação e Propaganda Sindical” –, e assiste-se à divisão de funções desempenhadas pelo até então designado Departamento de Informação e Propaganda, dando lugar ao Departamento de Comunicação Social e ao Departamento de Propaganda Sindical, mantendo-se com as mesmas funções e designação o Departamento de Relações Públicas.

Com o desfecho do 8.º Congresso (31 de Maio a 1 de Junho de 1996), para além da alteração a registar na designação da área de acção sindical onde se integra o departamento – “Área de Acção Sindical Informação, Comunicação Social e Propaganda Sindical” –, as suas funções voltam a estar repartidas em dois departamentos: “Informação e Comunicação Social”, “Propaganda Sindical”. Mantém-se inalterado o departamento de “Relações Públicas”, com as mesmas funções.

Na sequência do 9.º Congresso (10 a 11 de Dezembro de 1999), sucede-se nova modificação, apenas ao nível das designações: “Área de Acção Sindical Informação, Propaganda Sindical e Comunicação Social”; departamentos: “Informação e Propaganda Sindical”, “Comunicação Social” e “Relações Públicas” . Não se registaram alterações nos mandatos seguintes.

Lugares

Estatuto legal

Funções, ocupações e actividades

O Departamento de Informação e Propaganda Sindical tem sob sua incumbência «Trata[r] das questões relativas à informação e propaganda sindical e assegura[r] a sua difusão pela estrutura sindical; trata da edição das publicações da CGTP-IN; produz os tempos de antena, edita recursos audiovisuais e a comunicação electrónica da CGTP-IN; em articulação com os responsáveis pelas publicações do movimento sindical, promove a difusão de documentos da CGTP-IN e assegura o inventário das publicações sindicais; trata da inovação e experimentação de novas linguagens comunicacionais.»

Mandatos/fontes de autoridade

Estruturas internas/genealogia

Contexto geral

Entidade relacionada

Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional (CGTP-IN) (1970-10-01 –)
Identifier of the related entity
PT-CGTPIN/1
Tipo de relação
hierárquica

Identificador do registo de autoridade

Identificador da instituição

PT-CGTPIN

Regras e/ou convenções

Estado da descrição

Revista

Nível de detalhe

Parcial

Datas de criação, revisão e eliminação

Revisto em 2011-08-29.

Idioma(s)

Escrita(s)

Fontes

Outras formas do nome e História:
Acta do Plenário de 8 e 9 de Março de 1975, livro de actas dos Plenários, 1 a 10, anexo 44, p. 295 e 297-298;
CGTP-IN – Organização Interna dos Órgãos Dirigentes da CGTP-IN. [Lisboa]: CGTP-IN, 1983;
CGTP-IN – Regulamento de funcionamento da Comissão Executiva. [Lisboa]: CGTP-IN, 1986, p. 23;
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional. [Lisboa]: CGTP-IN, 1993, p. 24;
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional da CGTP-IN: Mandato 1996/1999. [Lisboa]: CGTP-IN, [1996?], p. 16;
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional da CGTP-IN: Mandato 1999/2003. [Lisboa]: CGTP-IN, [1999?], p. 16;
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional: Mandato 2004/2008. [Lisboa]: CGTP-IN, 2004, p. 15;
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional: Mandato 2008/2012. [Lisboa]: CGTP-IN, 2008, p. 16.

Funções, ocupações e actividades:
CGTP-IN – Regulamento de Funcionamento da Comissão Executiva do Conselho Nacional: Mandato 2008/2012, p. 16.

Notas de manutenção

Criado e revisto por: Filipe Caldeira.
 
  POPH QREN União Europeia FSE