Idioma da unidade de descrição

 
 

Bem vindo

O Centro de Arquivo e Documentação (CAD) da Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses (CGTP-IN) tem como missão gerir toda a documentação produzida e recebida  por esta organização (sede), independentemente do seu suporte ou data. Continuar...

 
 

Visualizar registo de autoridade

Fernando Manuel Branco Viana

Tipo de entidade

Pessoa

Formas autorizadas do nome

Fernando Manuel Branco Viana

Formas paralelas do nome

Formas autorizadas do nome de acordo com outras regras

Outras formas do nome

  • Branco Viana

Identificadores para pessoas colectivas

Datas de existência

História

Lugares

Estatuto legal

Funções, ocupações e actividades

Dirigente da União dos Sindicatos de Viana do Castelo e Sindicato dos Trabalhadores das Indústrias Metalúrgicas e Metalomecânicas do Distrito de Viana do Castelo.
Membro convidado (e sem direito a voto) do Conselho Nacional da CGTP-IN no mandato 1999-2003 e membro efectivo entre os mandatos 2004-2008 e 2012-2016.

Mandatos/fontes de autoridade

Estruturas internas/genealogia

Contexto geral

Entidade relacionada

Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses – Intersindical Nacional (CGTP-IN) (1970-10-01 –)
Identifier of the related entity
PT-CGTPIN/1
Tipo de relação
associativa
Datas da relação
1999 - 2016

Entidade relacionada

União dos Sindicatos de Viana do Castelo (USVC) (1975 –)
Tipo de relação
associativa

Identificador do registo de autoridade

Identificador da instituição

PT-CGTPIN

Regras e/ou convenções

Estado da descrição

Preliminar

Nível de detalhe

Parcial

Datas de criação, revisão e eliminação

Criado em: 2012-05-31.
Revisto em: 2017-11-20.

Idioma(s)

Escrita(s)

Fontes

CARTAXO, José Ernesto – CGTP-IN: 40 Anos de Luta com os Trabalhadores (1970-2010). Lisboa: CGTP-IN, 2011, p. 150.

CGTP-IN – Conselho Nacional da CGTP-IN [Em linha]. [Consult. 31 Maio 2012]. Disponível em: http://cgtp.pt//index.php?option=com_content&task=category§ionid=14&id=43&Itemid=48.

Notas de manutenção

Criado e revisto por: Filipe Caldeira.
 
  POPH QREN União Europeia FSE